Procura ai...

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Começando a pensar em 2010...


Seguinte.
Ano acabando e alguns textos são cruciais para uma reflexão bacana do ano que passou, e para o que vem chegando aí, novinho em folha...
Esse texto abaixo, li quando estava no Ensino Médio (já tem um tempo) e ele me marcou muito..
Aliás, continua marcando...
Indico.
:D
» Depois de algum tempo
 
“Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que companhia nem sempre significa segurança. E começa a aprender que beijos não são contratos e presentes não são promessas. E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.

E aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.

Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo. E aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam... E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoa-la por isso. Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.

Descobre que leva-se anos para construir confiança e apenas segundos para destruí-la, e que você pode fazer coisas em um instante, das quais se arrependerá pelo resto da vida.

Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distancias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem da vida. E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher.

Aprende que não temos que mudar de amigos se compreendermos que os amigos mudam, perceber que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos. Descobre que as pessoas que você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa – por isso, sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas, pois pode ser a última vez que as vejamos.

Aprende que as circunstâncias e os ambientes tem influência sobre nós, mas nos somos responsáveis por nós mesmos. Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que pode ser. Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto.

Aprende que não importa aonde já chegou, mas onde está indo, mas se você não sabe para onde está indo, qualquer lugar serve.

Aprende que, ou você controla seus atos ou eles o controlarão, e que ser flexível não significa ser fraco ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem dois lados.

Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências.

Aprende que paciência requer muita prática. Descobre que algumas vezes, a pessoa que você espera que o chute quando você cai, é uma das poucas que o ajudam a levantar-se.

Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas, do que com quantos aniversários você celebrou.

Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha.

Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens, poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.

Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel. Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame, não significa que esse alguém não o ama com tudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso.

Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém, algumas vezes você tem que aprender a perdoar-se a si mesmo.

Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado.

Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte.

Aprende que o tempo não é algo que possa voltar para trás. Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, ao invés de esperar que alguém lhe traga flores.

E você aprende que realmente pode suportar... que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida”!



  Atribuído à WILLIAM SHAKESPEARE

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Cartinha para Papai Noel

Eu estava dormindo até agorinha, mas como me acordaram com uma ligação e essa me fez pensar na minha vida, resolvi escrever uma cartinha para Papai Noel. (Tomara que no Pólo Norte tenha internet!)
Querido Papai Noel,
esse ano não posso afirmar com todas as letras que fui uma boa menina, porque acho que não fui.
Chorei demais. E acredito que, em anos onde as lágrimas tomam conta do sorriso, não são anos bons. Já posso fazer meu primeiro pedido: sorrir sempre em 2010.
O ano de 2009 foi um misto de alegria até julho, uns três meses de desgraça total e para finalizar, as coisas começaram a dar certo.
Nesse ano eu amei. Ah! E como amei Papai Noel. Me entreguei de corpo, alma e coração por esse amor. Acho que só eu mesmo. Não sei explicitar o que aconteceu, se bem que eu até que sei, mas é chato falar essas coisas por carta. Acabou oficialmente há três meses, mas meu coraçãozinho ainda dói muito e (já vem o segundo pedido) eu queria pedir a cura para isso. Muitos dizem que só o tempo cura, mas eita tempo demorado esse.. Jesus!
Voltando ao ser ou não ser uma boa menina. Eu orei muito e creio que isso contabiliza uns pontos positivos. Pedi muito para Deus e Nossa Senhora me mostrarem o caminho certo a seguir e quem as pessoas realmente são, sejam amigos, colegas, namorado.. enfim, todos que conviviam ao meu lado. E sabe quem ficou só para variar e eu sempre soube disso?
_Minha família. Meus pais e irmãos que sempre estiveram e estarão do meu lado.
Papai Noel, como amo minha família! E hoje sei, que com eles eu posso ter qualquer sonho que mesmo não concordando, eles me apoiarão e me amarão do jeitinho que sou. Nós somos UM. (E como sinto a falta deles nesse momento.) Acho que esse pode ser o terceiro pedido: minha família perto e juntinha de novo...
Eu nunca vou esquecer de 2009, até porque não gosto de ano terminado em número ímpar. Fiz coisas que vão me marcar pelo resto da vida e que me atormentam toda noite. Tenho pesadelos e me arrependo tanto. Tudo seria diferente e tenho plena certeza disso...

Então velhinho, daí no segundo semestre meu mundo caiu (quase como o da Maysa)..
Fiquei sem chão, sem expectativas, sem amor próprio, desiludida com as pessoas e as coisas..Perdi a vontade de viver e toda aquela força e segurança era fachada, pois eu estava em frangalhos, pronta para fechar as cortinas e dizer Bon Voyage Mom Petit...
Mas Deus é tão bom que me injetou doses de ânimo me trazendo notícias boas. A partir dessas 'boas novas' esqueci meu mundo Maysa e tentei levar meus planos adiante, sabe aqueles projetos que a gente acaba deixando de lado e quando leva um susto já se passaram alguns anos e NADA aconteceu? Pois é. Eles me fizeram esquecer do acontecimentos e estou focada neles. Esse poderia ser o quarto pedido: concretizar meus projetos.
Enfim.. Papai Noel. Eu poderia ter terminado o ano de outro jeito e com outras pessoas na minha vida. Mas como eu acabei de dizer ao telefone, para uma pessoa, cada um faz suas escolhas, eu escolhi viver a 'Poliana' e seus sonhos. Passei no Mestrado, trabalho no que gosto e tenho uma família linda e acredito que os tenho orgulhado muito por serem meus pais, porque esse é o único propósito que tenho na vida em gratidão ao que eles me proporcionaram nesses 24 anos de existência da Poliana Macedo de Sousa e claro, por mais uns 100 anos!
Posso me expor com essas palavras? Creio que não.
É apenas uma cartinha de uma boa menina (ou não) que acredita em Papai Noel e na magia de existir.

Feliz Natal!
E que 2010 seja repleto de sorrisos para todos!

p.s: pedido de última hora: dá uma forcinha para que eu ganhe na Mega-Sena da virada! :D

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Deu Certo!

Saiu o resultado!
Vejam só que M-A-R-A-V-I-L-H-A..
Felicidade é pouco!
Estou explodindo de alegria!
Mãe..
Pai..
Estou chegando lá!


 

Yes, I can!
Feliz! Feliz! Feliz!
\o/\o/\o/\o/\o/

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Música do Mês

É isso ai..
Assim com a seção "Frase do Mês" teremos a "Música do Mês".
Claro que não será a TOP das rádios, mas a que eu escutei muito e tem algum significado para minha vida.
Enfim.. foram momentos diferentes em novembro e dezembro.
Acho que novembro já tem sua música que pode ser conferida aqui.
Agora a de dezembro..
Na verdade serão 'as'!
Hummm..
São essas (lógico que minha amada e idolatrada, salve, salve Ivete vem primeiro!!)..







domingo, 13 de dezembro de 2009

Frase do Mês

"O fracasso jamais o surpreenderá se tua decisão de vencer for suficientemente forte."
(Desconhecido)

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Dicionário feminino

Recebi no meu email e acho que é uma dica importante para que os homens entendam esse complicado universo feminino:

1 - "Certo": Esta é a palavra que as mulheres usam para encerrar uma discussão quando elas estão certas e você precisa se calar.
2 - "5 minutos": Se ela está se arrumando significa meia hora. "5 minutos" só são cinco minutos se esse for o prazo que ela te deu para ver o futebol antes de ajudar nas tarefas domésticas.
3 - "Nada": Esta é a calmaria antes da tempestade. Significa que ALGO está acontecendo e que você deve ficar atento. Discussões que começam em "Nada" normalmente terminam em "Certo"...
4 - "Você que sabe": É um desafio, não uma permissão. Ela está te desafiando, e nessa hora você tem que saber o que ela quer... e não diga que também não sabe!
5 - Suspiro ALTO: Não é realmente uma palavra, é uma declaração não-verbal que freqüentemente confunde os homens. Um suspiro alto significa que ela pensa que você é um idiota e que ela está imaginando porque ela está perdendo tempo parada ali discutindo com você sobre "Nada"...
6 - "Tudo bem": Uma das mais perigosas expressões ditas por uma mulher. "Tudo bem" significa que ela quer pensar muito bem antes de decidir como e quando você vai pagar por sua mancada.
7 - "Obrigada": Uma mulher está agradecendo, não questione, nem desmaie. Apenas diga "por nada". (Uma colocação pessoal: é verdade, a menos que ela diga "MUITO obrigada" - isso é PURO SARCASMO e ela não está agradecendo por coisa nenhuma. Nesse caso, NÃO diga "por nada". Isso apenas provocará o "Esquece").
8 - "Esquece": É uma mulher dizendo "FODA-SE !!"
9 - "Deixa pra lá, EU resolvo": Outra expressão perigosa, significando que uma mulher disse várias vezes para um homem fazer algo, mas agora está fazendo ela mesma. Isso resultará no homem perguntando "o que aconteceu?". Para a resposta da mulher, consulte o item 3.
10 - "Precisamos conversar!": Fodeu!!! Você está a 30 segundos de levar um pé na bunda.
11 - "Sabe, eu estive pensando...": Esta expressão até parece inofensiva, mas usualmente precede os Quatro Cavaleiros do Apocalipse...
 
Adorei!
\o/

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Eu nem gostava dele mesmo!



Faço minhas palavras às do ator Paulo Carvalho sobre o que o cidadão disse e principalmente, pela imagem que nós -BRASIL- temos lá fora.
É triste, mas é a realidade.
Cliquem aqui e leiam o desabafo de meu amigo.

Na mídia!

Personas!
Meu TCC (da graduação) foi notícia no blog Trabalhos Acadêmicos em Comunicação Social.
Bacana o trabalho do Aurélio em divulgar as pesquisas da galera da comunicação.
Vejam lá.
\o/

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails