domingo, 24 de fevereiro de 2013

Sufoco..


É desabafo mesmo.
As vezes me sinto inútil!
Primeiro veio a cesárea que não me deixa fazer nada e depender dos outros para lavar até a fralda do meu filhote. E segundo, é mentalmente. Sim,  e a culpada é minhã mãe.
Não estou reclamando da ajuda dela, mas as vezes, sempre, na verdade, ela me trata como se eu tivesse 15 anos e não soubesse cuidar de uma criança.
OK. Eu nunca cuidei de uma criança, mas não vou matar e nem maltratar.
Poxa vida, é meu filho e eu tenho direito de cuidar dele e aprender cuidar dele.
Só isso que quero.
Os termos que ela usa para falar comigo só me colocam para baixo.
Tudo no imperativo como se eu não tivesse livre arbítrio e não fizesse minhas escolhas.
Isso é terrível.
A ajuda dela é importante e nunca vou deixar de dar crédito a ela por isso, mas mal tem um mês que Pedro nasceu e ela quer mandar em tudo que eu faço e da forma que eu faço.
Cansa.
Estou exausta disso tudo.
Dessa forma de tratamento..
Enfim.

Um comentário:

  1. tô adorando seus posts .. meu bebê ainda não nasceu mas esses dias senti vontade de gritar q essa filha é minha! mãe, sogra, tias...tinha gente planejando meu enxoval sem me convidar...aff ! não nego q a ajuda é bem vinda..mas alloww!!!! eu estou aqui e sei o q quero pra mim e pra minha filhota... fico imaginando como vai ser os primeiros dias...

    ResponderExcluir