sexta-feira, 10 de junho de 2016

Diário da transformação: quando decidir fazer cirurgia plástica.

Não foi fácil.
Decidir se encarava a "mesa" ou não.
Eu tinha um corpo legal. Engravidei e tudo mudou.  Nada voltou para onde deveria voltar e a gravidade não foi muito gentil comigo.
Não estou feliz.  Não consigo usar nenhuma roupa que marque qualquer parte do meu corpo..  E eu, definitivamente, não era assim!
Parece até a música do Gustavo Lima: "tá faltando eu em mim", mas é a pura e sincera verdade. Eu não me reconheço.
Resolvi buscar minha auto estima de volta. E por mais que existam pessoas que sejam totalmente contra cirurgia plástica, elas nunca entenderão e nunca estarão na minha vida e no meu lugar. Eles nunca serão você! Cada um sabe a dor e a delicia de ser quem é..  Parafraseando Caetano Veloso. E não há nada e nem ninguém que irá me dizer a não fazer algo porque "ahhhhhhhhh, mas você não precisa".
Desculpa, mas eu preciso sim.
E tenho certeza que será uma das melhores coisas que farei por mim.
Vai doer na recuperação? Vai.
Vai ser caro? Vai.
Vai me fazer feliz ao olhar no espelho ou simplesmente brincar com meu filho na praia usando biquíni? Vai.
Vai fazer com que me sinta a vontade com meu corpo e conseguir me relacionar com alguém? Vai.
Eu nunca fui assim..  Receiosa e sem confiança nenhuma. Muito pelo contrário! Mas o meu corpo não me dá confiança e segurança para ser eu mesma.
Não é fácil viver assim...
Imagine quantas mulheres passam por isso? Todos os dias!
O sentimento é  de ansiedade nesses meses de preparação. E medo também, mas encontrei um médico que me passou tanta confiança e a cada dia que passava e conversava com outras pessoas e médicos, só ouvia elogios do trabalho e da pessoa que ele é...  Sem contar que é membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.. Isso foi primordial para decidir.
Estou convicta do que decidi e com grande esperança que ficarei muito contente e confiante ao me olhar no espelho.
#diarioliposilico #vivendoos30melhorqueos20 #31anos

Nenhum comentário:

Postar um comentário